Fevereiro 16, 2014 / manual de maquiadora, maquiagem

Manual da Maquiadora – Blushes


Olá vaidosas, tudo bem???
No Manual da Maquiadora de hoje, falaremos sobre blushes, mas não somente dos produtos, falaremos também sobre as cores que combinam com a cor da sua pele!

1- Blush cremoso: Dá um aspecto mais natural a pele do que os em pó, pode ser aplicado com os dedos ou com um pincel de fibras sintéticas.
2- Blush mouse: Esse tipo de blush pode ser usado a qualquer hora do dia e em qualquer tipo de pele. Costuma ter um acabamento mais intenso e luminoso que os demais. Por isso, aplique uma pequena quantidade com o pincel ou com a esponja nas maças do rosto e espalhe bem.

3- Blush em pó: É o mais comum de ser encontrado e todas as marcas de maquiagem possuem ao menos um ou dois exemplares dele. Ele pode ser compactado, ou solto.
4- Blush em bastão: É o blush com textura mais rígida, portanto, o que dura mais tempo na pele. Para aplicar, passe levemente sobre as maçãs do rosto e espalhe com os dedos.
5- Blush mineral: Pode ser usado em qualquer tipo de pele, porém benéfico à pele oleosa, pois reduz a oleosidade e não faz com que a pele produza mais essa gordura. Sendo assim, não só como o blush, mas todos os produtos com base mineral, agridem menos a pele do que as maquiagens normais.

6- Blush líquido: É ideal para as mulheres que procuram um efeito natural e saudável. Por ser líquido, o efeito rosado natural em qualquer uma dessas aplicações não deixa a pele com a textura de quem passou blush, sendo assim, pode ser aplicado nas peles secas e oleosas, nas mulheres morenas e também nas mais claras.

Blushes que combinam com a cor da sua pele:

Tipos de rosto:

Oval: O rosto oval é um dos mais versáteis para se trabalhar. É fácil afiná-lo ou deixá-lo mais encorpado. Na hora de aplicar o blush, sempre aplique a cor no alto das maçãs e vá puxando suavemente em direção às têmporas. Na hora de contornar e iluminar o rosto: Um iluminador no alto das maçãs fica lindo, ou mesmo um blush com brilho.

Longo: O rosto longo é um rosto bem fino. O ideal é usar o blush para balancear o formato. Procure concentrá-lo nas maçãs do rosto e puxá-lo levemente em direção às têmporas. Na hora de contornar e iluminar o rosto:  Não foque em afinar o formato do rosto. Procure diminuí-lo contornando a testa, mas cuidado para não deixar marcado. Eu gosto de colocar um pó um tom mais escuro que o meu tom de pele rente ao couro cabeludo e ir esfumando levemente para baixo, até que ele suma completamente.

Triangular: Procure aplicar o blush mais arredondado, puxando levemente para as têmporas para afinar o rosto e balancear as formas. Contudo, não faça uma linha muito fina (como no rosto redondo), mantenha o blush mais natural e esfumado. Eu costumo aplicar a cor nas maçãs do rosto e esfumar em direção às têmporas, assim ele vai desaparecendo ao mesmo tempo em que afina o rosto.

Quadrado: Para quem tem rosto quadrado, com muitos ângulos, pode usar um blush mais arredondado para balancear as formas, mas sempre esfume muito bem para não ficar com cara de “festa junina”. Na hora de contornar e iluminar o rosto: contorne sua testa apenas se você se sente incomodada por ela ser muito extensa, do contrário, foque apenas no contorno das bochechas. Sempre ilumine o alto das maçãs para trazê-las mais para frente.

Redondo: A maioria das pessoas que tem o rosto redondo tem como objetivo deixar o rosto mais fino. O segredo aqui é aplicar um blush fino, na diagonal, mas bem compridinho, no alto das maçãs. Assim você cria a ilusão de um rosto mais fino. As pessoas que tem rosto redondinho devem aplicar o blush com dois a três dedos de distância do nariz, subindo em direção a pontinha superior da orelha. Costuma ser um ângulo que funciona bem para a maioria.

Espero que tenham gostado!!!
Um BIG beijo de gloss 😉

Fevereiro 16, 2014 / manual de maquiadora, maquiagem

Curso de automaquiagem – Olhos diurnos


Hello vaidosas!
Estão prontas para mais um dia de curso de automaquiagem? Hoje conheceremos cada parte dos olhos e faremos uma produção diurna. Com o mesmo conceito da preparação de pele, o objetivo da make para os olhos diurna é parecer maquiada porém com um aspecto natural. Para isso usaremos uma paleta de cores nude com um toque de preto para delinear. Vamos lá !!!! 🙂

Comentei no vídeo sobre todos os pincéis de rímel, então fotografei os meus para mostrar a vocês.

 The Colossal – Maybelline
 Super Shock – Avon
 The Colossal – Tango
 The Falsies – Maybelline
Super Extend – Avon

Esse foi o resultado da make diurna, no sábado que vem teremos um tutorial de ombré lips, gravei outro video pra isso pois não encontrei tutoriais que ensinassem a fazer o ombré sem lápis de boca. Estou postando o vídeo hoje (domingo), mas o vídeo subiu ontem para o YouTube. Só me atrasei na divulgação tanto aqui no blog, quanto na fanpage.

Espero que tenham gostado!!!
Um BIG beijo de gloss ;))

Fevereiro 07, 2014 / maquiagem

Preparação de pele


Hello vaidosas!! Esse é o primeiro post do Manual de Maquiadora e estou realmente muito animada para iniciar essa série de cursos sobre makes. Hoje falaremos sobre a preparação de pele, que é super simples de fazer, porém algumas meninas ainda têm dúvidas.

Após lavar e hidratar seu rosto, o primeiro passo é aplicar a base.

A base seve para uniformizar o tom da sua pele, elas estão presentes no mercado em diferentes tipos e texturas, a mais comum é a base líquida, que tem um efeito mais leve e é fácil de aplicar. Por proporcionar um acabamento mais natural,  ela é ideal para o dia a dia e para os dias mais quentes.

 Base em bastão: Ideal para quem possui pele mista, ou seja, seca e oleosa ao mesmo tempo, com capacidade de cobrir manchas e marcas de expressão.

Base em pó: É a melhor opção para quem tem pele oleosa, pois o pó ajuda na absorção da oleosidade. Na hora de escolher, prefira as minerais, pois elas têm ingredientes naturais e não têm óleo.

Base mouse: Matifica e suavisa a pele deixando um efeito bem natural. Como a maioria das fórmulas são sem óleo, vale a pena investir nela se você tiver pele oleosa.

Base cremosa: É o tipo de base com a melhor cobertura, ideal para disfarçar manchinhas, cicatrizes e espinhas. Por ser mais oleosa, o ideal é que se use em dias mais frios e durante a noite.

Não vou falar sobre a base air brush pois ela é utilizada somente por maquiadores e não são tão fáceis de encontrar!
Após a aplicação da base, utilizamos o corretivo!

 

Os corretivos da cor da pele, tem a função de disfarçar ou clarear principalmente olheiras e imperfeições da pele, como: manchas, sardas (pra quem não gosta), sinais, cicatrizes. Enfim, para camuflar o que você não quer mostrar.

Líquido:Por ser mais fluido, é o mais indicado para a região dos olhos. Seu efeito é mais sutil e, por isso, cobre naturalmente olheiras suaves e cravos.
Indicado para: todos os tipos de pele.

Cremoso:É o mais comum. Geralmente na forma de bastão, tem textura espessa, o que o torna perfeito para esconder olheiras mais escuras e manchas.
Indicado para:peles seca e mista.

Lápis ou caneta:É o melhor para esconder espinhas. Mas não exagere: como a textura é mais seca e firme, passar muito só vai chamar ainda mais atenção para o problema. Use somente nos pontos com espinhas ou manchas pequenas. Os com ácido salicílico na forma ainda funcionam como secativos para acne. Evite espalhar em grandes áreas do rosto para o efeito não ficar artificial.
Indicado para:todos os tipos de pele, já que o uso é pontual.

 

Mineral:Ele leva esse nome porque é feito com minerais extraídos da natureza. A textura é muito leve e o resultado é bem natural, sem acumular nos vincos da pele. Como é um pó solto, deve ser aplicado com o dedo ou com um pincel para sombra.
Indicado para:peles mista, oleosa e sensíveis, já que os makes minerais são livres de substâncias que provocam alergias.

Por fim, aplicamos o pó compacto ou o blush. Eu particularmente prefiro passar o pó antes do blush. O  serve para dar acabamento a sua maquiagem (aplicar após a base), para mantê-la durante mais tempo e eliminar o brilho excessivo. Pode (e deve ser utilizado) em todos os tipos de pele.

 

1- Solto:os grãos soltos retiram o brilho excessivo da pele e prolongam o efeito da base e do corretivo. Aplique com um pincel grande. Se você quiser apenas retirar o brilho, passe o produto com leves batidinhas na zona T (testa, nariz, queixo) e na região abaixo dos olhos. Para se livrar dos excessos na aplicação, passe um pincel limpo ou um algodão seco por todo o rosto depois do pó.
2- Compacto:a textura é mais pesada que a do pó solto e, por isso, deve ser usado com cuidado. Se sua pele é oleosa, prefira as formulações oil-free, que não obstruem os poros e evitam novos cravos e espinhas.
3- Translúcido: bem suave e quase sem cor, esse tipo fixa bem base e corretivo, sem alterar o tom dos produtos na pele. Pode ser solto ou compacto, e dá acabamento aveludado para a pele.
4- Mineral:é levíssimo e de acabamento aveludado, podendo ser compacto ou solto. A diferença mesmo está na composição do produto: ele tem minerais naturais e nenhum conservante. Por isso, é bom para todas as peles e tem boa fixação. Siga as indicações para aplicar de acordo com a textura, compacta ou solta. Você também pode passar uma camada fina dele por cima da maquiagem já feita, para segurar a make por mais tempo.
Já para o blush, separei uma edição inteirinha do Manual de Maquiadora porque se não esse post ficaria gigantesco e super cansativo. Espero que tenham gostado!

Um BIG beijo de gloss!! 😉

Crédito da última montagem de fotos: Ana Carolina Almeida

Páginas«1 ...7879808182838485»

Um Beijo de Gloss • todos os direitos reservados © 2018 • powered by WordPress Desenvolvido por